×

Atenção

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 487
O número de internações hospitalares após acidentes com motos cresceu 115% nos últimos seis anos. Esse número já representa metade do total de internações por acidente de trânsito no país, segundo dados do Ministério da Saúde. Em 2013, de 171 mil internações causadas pela violência no trânsito, cerca de 89 mil ocorreram após acidentes com motos. Em dez anos, a frota de motos cresceu 241,7% –no Norte e Nordeste, as motos são quase metade da frota de veículos.
O Conselho Nacional de Trânsito (Contran) publicou a Resolução nº 526/15, que fixa nova metodologia de tolerância nas aferições de peso em veículos de cargas Pela nova Resolução, nas fiscalizações de peso dos veículos de cargas por balanças rodoviárias, serão admitidas as seguintes tolerâncias: 5% sobre os limites de pesos regulamentares para Peso Bruto Total (PBT) e Peso Bruto Total Combinado (PBTC) e 10% sobre os limites de pesos regulamentares por eixo de veículos transmitidos à superfície das vias públicas. A medida atende a pleito do Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado do Paraná (Ocepar).
Mulheres grávidas podem dirigir, mas devem ter cuidados redobrados Não há nenhuma lei que proíba uma mulher grávida de dirigir, porém alguns cuidados são indispensáveis para manter a segurança e saúde da gestante. “A princípio as grávidas podem dirigir, mas como tudo na vida é uma questão de bom senso, a gestante deve ponderar se está se sentindo bem para essa função”, explica Dr. Mauro Sancozki, obstetra.
Segundo dados da Associação Brasileira do Sono (ABS), 30% das mortes ocasionadas em rodovias brasileiras são causadas pelo sono, sendo este o responsável por 20% do total de acidentes envolvendo veículos no país. “O sono não é proveniente apenas do cansaço, mas pode estar ligado também a muitos outros distúrbios da saúde”, explica Celso Mariano, especialista em trânsito e diretor da Tecnodata Educacional.